Curso de Hacker Mundo Dos Hackers

Hacker invadiu a Microsoft e a Nintendo



Apesar de várias empresas possuírem programas de bug bounty, onde hackers pesquisadores de segurança, podem reportar falhas de segurança encontradas em servidores, sistemas, sites e apps, e com isso conseguir uma recompensa pela sua descoberta, ainda há hackers que preferem agir no anonimato e invadir apenas por “diversão”, esse é o caso de um jovem hacker de 24 anos chamado Zammis Clark.

Durante o ano de 2017 Clark conseguiu ter acesso aos servidores da Microsoft, onde roubou cerca de 43 mil arquivos internos da companhia, além disso o hacker ainda teve acesso a versões Beta do Windows, seu feito foi compartilhado via chat IRC com outros Hackers, que acabaram se aproveitando da mesma falha de segurança, para entrarem também nos servidores da Microsoft, o que acabou aumentando ainda mais os ataques a empresa, só nessas invasões calculasse que a Microsoft teve um prejuízo de US$ 2 milhões. Na época Clark chegou a ser preso, mas foi solto logo em seguido após pagamento de fiança.

Como se não bastasse no ano seguinte a sua invasão a Microsoft (2018), Clark se aproveitou de uma outra falha nos servidores da Nintendo, para conseguir ter acesso ao servidores de jogos via VPN da gigante dos Games, no caso dessa invasão, Clark causou um prejuízo de US$ 1,8 milhão para a Nintendo, que também descobriu a invasão e mais tarde processou o hacker.

Durante esse mês Clark foi a julgamento pelo crime de mau uso de computadores, e acredite se quiser, o hacker escapou da prisão ao assumir seus crimes, porém recebeu ordem grave de prevenção de criminalidade por cinco anos, além disso se o hacker violar as condições do acordo ele pode receber uma multa ilimitada e pegar até 5 anos de prisão.

Esse é um bom exemplo do quão vantajoso são os programas de bug bounty tanto para as empresas quanto para os hackers, no caso dos hackers, esses podem receber de forma legal um pagamento de até dezenas de milhares de dólares pelas suas descoberta, fora que ele pode fazer pentests e colocar em práticas diversas técnicas hacker de forma totalmente legal e autorizada pela empresa. Já no caso das empresas, é uma questão de lógica afirmar que é melhor pagar 10, 20, 90 mil dólares para um hacker que descobriu uma falha de segurança grave e há esta reportando, do que ter um prejuízo de milhões de dólares com a mesma falha sendo descoberta e explorada por um hacker mau intencionado.

Eae o que você achou desse caso? Deixe seu comentário abaixo ;-)!!!

Nenhum Comentário para “Hacker invadiu a Microsoft e a Nintendo”

Deixe seu Comentário

Comentários Recentes

  • Hynt: QUANDO QUE VAI RODA NO MOTO G7 PLAY...
  • Maria: Incrível! Esses dias estou passando por um ...
  • Jailson: Oi amigo vc pode me ensina ou ajuda mesmo p...
  • Fabiano Junio: Boa noite, gostaria de montar seu projeto, ...
  • Sorriso :D: Como a própria publicação fala, para tornar...

Galeria de Imagens

Ver mais imagens