Curso de Hacker Mundo Dos Hackers

Hacker argentino de 19 anos fatura US$ 1 milhão com bug bounty



Um Hacker argentino de apenas 19 anos chamado Santiago Lopez faturou nada mais nada menos que 1 milhão de dólares, quer saber como? Participando de programas de bug bounty!

Os programas de bug bounty funcionam da seguinte forma, como todos sabemos nenhum sistema é 100% seguro e mesmo que seja, em um determinado momento, seja em uma atualização ou adição de novos recursos, esse sistema pode passar a ter uma vulnerabilidade nas linhas de código adicionadas. Pensando em manter os sistemas, sites, apps e redes mais seguras, as empresas possuem equipes de pesquisadores de segurança e profissionais de TI para analisar e gerenciar todos componentes que envolvem seus serviços, porém isso na maioria das vezes não é suficiente para garantir a segurança, é preciso que hackers especialistas em invasões, que sabem onde procurar e explorar brechas façam o serviço, então pensando exatamente nesse ponto ou simplesmente aproveitando-se da lógica de que, quanto mais pessoas procurando por uma falha há mais chances de encontra-la, algumas empresas permitem com que hackers, pesquisadores e qualquer pessoa procurem e explorem seus sistemas, sites, apps em fim todos os seus serviços de forma legal, caso uma falha de segurança ou bug seja encontrado, o caçador deve reportar a mesma para a empresa responsável, em troca a empresa paga uma recompensa para o caçador que acredite pode ultrapassar as centenas de milhares de dólares.

Hoje em dia grandes e pequenas empresas possuem programas de bug bounty (recompensa por bug), dentre elas estão Amazon, Apple, Facebook, Twitter, Instagram, Visa, e várias outras, além dos programas particulares das grandes companhias, existem também empresas que “terceirizam” o programa de bug bounty fazendo uma ponte entre o “caçador” e empresas de pequeno, médio e grande porte, que as vezes não tem estrutura para montar um programa desses. Com esse tipo de programa as empresas ganham pelo fato de evitar com que um cibercriminoso utilize uma falha para “sujar” o nome da empresa e obter lucro próprio, além de gerar prejuízo para a empresa, e os hackers ganham por poderem praticar e aprender novas técnicas em hacking, além de ser recompensado pelo seu trabalho.

Lembra do hacker argentino de 19 anos do começo da matéria, esse jovem hacker aproveitou exatamente dessa oportunidade que surgiu a pouco tempo e vem se tornando uma tendência, e dedicou boa parte do seu tempo para procurar falhas em sites, explora-las para provar que realmente podem trazer algum risco, e reporta-las para que a responsável pelo site corrija a falha e recompense-o pela descoberta.

Atualmente o Santiago faz parte como caçador de recompensas de uma empresa chamada HackerOne, essa empresa terceiriza programas de bug bounty  e possui mais de 1,2 mil empresas cadastradas para que seus sistemas sejam testados, além disso a HackerOne é uma plataforma que forma uma espécie de comunidade com mais de 300 mil hackers caçadores de recompensas. Atualmente o hacker argentino já descobriu mais de 1.676 vulnerabilidades em sistemas de companhias como Verizon, Twitter e na própria HackerOne, em uma entrevista Santiago disse que sua primeira recompensa por falha encontrada foi de US$ 50 isso quando ele ainda tinha 17 anos de idade, porém ao decorrer do tempo ele foi encontrando vulnerabilidades mais graves e chegou a ser recompensado com US$ 9 mil, atualmente o hacker já faturou mais de 1 milhão de dólares em recompensas e se tornou o primeiro hacker a faturar o primeiro milhão em programas de bug bounty.

Segundo Santiago, todo o seu conhecimento em hacking veio de pesquisas online, inclusive ele se diz orgulhoso por ser um hacker autodidata, atualmente ele dedica 100% do seu tempo procurando por falhas nos sistemas de empresas, de acordo com a entrevista é isso que ele pretende continuar fazendo por alguns vários anos, e ainda recomenda que hackers que utilizam o seu conhecimento para ações ilícitas repensem seus planos, porque eles podem ganhar dinheiro de forma totalmente legal e ajudar a melhorar os sistemas de muitas empresas.

Eae o que você achou do Hacker milionário? Deixe seu comentário abaixo :D!

Nenhum Comentário para “Hacker argentino de 19 anos fatura US$ 1 milhão com bug bounty”

Deixe seu Comentário

Comentários Recentes

  • Hynt: QUANDO QUE VAI RODA NO MOTO G7 PLAY...
  • Maria: Incrível! Esses dias estou passando por um ...
  • Jailson: Oi amigo vc pode me ensina ou ajuda mesmo p...
  • Fabiano Junio: Boa noite, gostaria de montar seu projeto, ...
  • Sorriso :D: Como a própria publicação fala, para tornar...

Galeria de Imagens

Ver mais imagens